Estágio, Trainee, Aprendiz – Qual diferença?

Além das vagas de emprego do tipo CLT, é possível ver outras modalidades ao consultar sites especializados: o estágio, o trainee o jovem aprendiz.

Elas têm em comum o fato de serem destinadas a estudantes, com exceção dos trainees, pois muitos dos trainees são admitidos mesmo quando formas há pouco tempo.

Porém, essas três formas de contrato profissional têm bastante diferença e entendê-las ajuda o candidato a saber exatamente para qual delas mandar o seu currículo.

 

Estágio

O estágio serve para permitir que o estudante universitário comece em sua área, aplicando na prática o que as suas aulas no ensino superior ensinam.

No processo seletivo, costumam ser pedidos conhecimentos específicos da área. Por exemplo: para certos estágios em Tecnologia da Informação, é preciso saber o mínimo sobre um ou outro software.

As empresas não podem solicitar que os estagiários trabalhem no final de semana e a sua carga horária nunca deve passar de 30 horas por semana.

Os benefícios e o valor da bolsa auxílio sempre variam a cada empresa.

Trainee

A contratação como trainee funciona de uma maneira diferente: primeiro, não é preciso que o contratado seja formado e nem que ele ainda esteja estudando. Sendo assim, pessoas em ambas as condições podem ser admitidas.

O maior foco do programa de trainee é sempre fazer com que esses contratados desenvolvam as habilidades necessárias para exercer funções de alta importância nas empresas.

A bolsa auxílio para os trainees é sempre maior que a oferecida aos estagiários e a sua carga horária também é maior: são 40 horas por semana. A quantidade de benefícios também varia de empresa para empresa.

Jovem aprendiz

O jovem aprendiz é uma forma de contratação destinada às pessoas que estão na educação básica, entre o 6° ano e o ensino médio.

Ele só pode atuar pela mesma quantidade de horas que o estagiário: 6 horas por dia.

Não há um valore específico de bolsa auxílio para jovem aprendiz e algumas empresas oferecem a eles até plano odontológico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *